Acarbose – Usos, Contra Indicações, Cuidados, Efeitos Secundários

Usos e Indicações

A acarbose é um medicamento (fármaco) sujeito a receita médica que pertence a um grupo de substâncias conhecidas como inibidores das alfaglucosidases que são usadas para tratar a diabetes mellitus. Os inibidores das alfaglucosidases retardam a degradação dos hidratos de carbono (açúcares complexos) da dieta e deste modo reduzem os elevados níveis sanguíneos de glucose que ocorrem após as refeições, facilitando assim o controlo da glicemia.

acarbose Glucobay

A administração de 100 mg por dia de acarbose está associada com uma redução de problemas cardiovasculares e a um menor risco de desenvolver hipertensão arterial, provavelmente devido ao seu efeito de reduzir a massa corporal em pacientes com intolerância à glucose.

A acarbose pode ser usada só ou em associação com outros medicamentos orais para a diabetes, ou com a insulina.

Antes de usar a acarbose

Alguns medicamentos ou situações clínicas podem interagir ou impedir o uso deste medicamento. Informe o médico de todos os medicamentos sujeitos e não sujeitos a receita médica que está a tomar, tendo especial atenção aos anticoagulantes (ex: varfarina), inibidores da enzima de conversão da angiotensina (ex: captopril), bloqueadores beta (ex: propranolol), inibidores da monoamina oxidase (IMAO) (ex: fenelzina), bloqueadores da entrada do cálcio (ex.: verapamilo), corticosteróides (ex.: prednisona), diuréticos (ex.: hidroclorotiazida), estrogénios, isoniazida, ácido nicotínico, anticoncepcionais orais, fenotiazinas (ex: clorpromazina), fenitoína, simpaticomiméticos (ex: pseudoefedrina), hormona da tiróide, insulina ou sulfonilureias (ex: gliburide), neomicina, colestiramina ou digoxina.

Informe o médico sobre outras situações clínicas, tais como bloqueio intestinal, inflamação crónica do intestino, úlceras do cólon, problemas do estômago ou intestinos que alterem a digestão ou absorção dos nutrientes, cirrose hepática, ou alteração da função hepática, cetoacidose ou doença renal grave, alergias, gravidez ou amamentação.

Como usar a Acarbose

Siga as instruções dadas pelo médico. Tome este medicamento antes das refeições com um líquido imediatamente antes das refeições ou então em conjunto com os primeiros alimentos da refeição. Se está a tomar carvão ou medicamentos com enzimas digestivas deverá respeitar um intervalo de pelo menos 2 a 4horas.

Se se esqueceu de tomar uma dose deste medicamento salte a dose falhada e retome o esquema habitual de tomas na próxima refeição. Não tome 2 doses de uma vez. Armazene este medicamento no recipiente original à temperatura ambiente, ao abrigo da luz e da humidade.

Contra indicações

Flatulência excessiva.
Hérnias
Gravidez
Lactação
Síndrome de Roemheld
Doença intestinal
Crianças, menores de 18 anos.

Cuidados

Não pare de tomar este medicamento sem antes falar com o médico. Siga a dieta indicada pelo médico. Não falte às consultas médicas ou deixe de realizar análises laboratoriais enquanto tomar este medicamento. Este medicamenro pode causar hipoglicemia (açúcar baixo no sangue).

Os sinais da hipoglicemia incluem dor de cabeça, transpiração, tremores, fome, alterações na visão, nervosismo, ou cansaço. Fale com o médico sobre como lidar com as reacções de hipoglicemia. Não beba álcool sem primeiro falar com o médico.

Antes de iniciar a toma de qualquer novo medicamento, sujeito ou não a receita médica, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Reações adversas, Efeitos Secundários

Os efeitos adversos que podem ocorrer durante o tratamento incluem flatulência (gases intestinais), diarreia, dores abdominais e dor gastrointestinal, náuseas (enjoos), vómitos, digestão difícil e dolorosa; aumento passageiro das enzimas do fígado, edema (inchaço), icterícia, trombocitopenia (diminuição das plaquetas sanguíneas) e hepatite.

Se persistirem ou forem incomodativos fale com o médico. Contacte logo que possível o seu médico se experimentar uma reacção alérgica grave (vermelhidão, urticária, comichão (coceira), dificuldade em respirar, aperto no tórax, edema da boca, face, lábios ou língua) e subíleos/íleos (paralisia intestinal grave).

Se observar outros efeitos não referidos anteriormenre contacte o seu médico ou farmacêutico.

Sobredosagem

Se tomou mais do que a dose recomendada deste medicamento contacte o Centro de Informação Antivenenos (CIAV) do INEM: 808 250 743, imediatamenre. Os sintomas da sobredosagem podem incluir diarreia, gases e dor ou desconforto do estômago.

Informação adicional

Uma dieta apropriada, o exercício regular, e controlo regular do açúcar no sangue são importantes para obter os melhores resultados ao usar este medicamento.

Nomes comerciais

Acarbose Alsucril; Acarbose Bakuh; Acarbose Blixie; Acarbose Bluecose; Acarbose Bluepharma; Acarbose Establix; Acarbose Farmoz; Acarbose Generis; Acarbose Green Avet; Acarbose J. Neues; Acarbose Labesfal; Acarbose Linacal; Acarbose Mylan; Acarbose Satoxi; Acarbose Strami; Glucobay, Precoce, Prandase.