Implante Dentário Biológico

Foi recentemente apresentado na cidade do Porto uma das nas maiores inovações da implantodontia das últimas décadas: O implante dentário biológico.

Exibido pela primeira vez no Palácio da Bolsa do Porto, este implante representa o resultado de mais de dez anos de investigação exaustiva por parte dos profissionais da “Academia Global de Medicina Dentária Biológica”, liderada por Mick Dragoo, que tem no médico dentista Português Pedro Ferreira Borges um dos seus maiores aliados e impulsionadores internacionais.

Denominado de NaturaLLock, este revolucionário implante dentário caracteriza-se por ser o implante actualmente existente que apresenta as características mais próximas de um dente natural, permitindo assim a obtenção do tipo de resultados que há diversas os especialistas da área da implantodontia se limitavam a ambicionar.

Ainda que muitos sejam os tipos de implantes dentários actualmente disponíveis no mercado, o NaturaLLock é o único que apresenta uma ciência por detrás da sua composição que contrasta com os princípios das técnicas utilizadas por todos os restantes implantes dentários. Ainda que a área da implantodontia esteja já numa fase bastante avançada, onde implantes dentários extremamente eficientes são já amplamente produzidos e comercializados, a verdade é que a busca pela perfeição mantém-se em processo, uma vez que ainda muitos são os problemas os quais os implantes dentários convencionais não conseguem encontrar resposta.

Felizmente, com o desenvolvimento do implante dentário biológico, a perfeição encontra-se agora mais perto do que nunca, uma vez que este constitui uma alternativa que promete minimizar de forma drástica todas as complicações associadas aos procedimentos de implantodontia. Desde da década de 60 que o material mais utilizado em implantes dentários é o titânio puro.

Este material tem vindo a ser amplamente utilizado com uma elevada taxa de sucesso, que se deve primordialmente ao facto de este ser um material inerte, que não é detectado pelo organismo, e por isso raramente é rejeitado pelo mesmo. No entanto, e ainda que o implante de titânio tenha vindo a demonstrar a sua eficácia década após década, os especialistas da Academia Global de Medicina Biológica quiseram desenvolver um material que fosse detectado pelo organismo e oferecesse total compatibilidade com o mesmo.

Após muitos anos de investigação, o resultado é um produto que acabará com todos os problemas experienciados, não só pelo paciente, como também pelo cirurgião, permitindo assim tratamentos com uma taxa de eficácia muito superior àquela que é possível obter através das soluções mais convencionais.

Através da eliminação de alguns dos riscos mais comuns associados a uma cirurgia de implante dentário, este implante promete permitir que cada vez mais pacientes, independentemente das suas limitações físicas, possam vir a usufruir das vantagens que a utilização de um implante dentário lhes poderá trazer, não só para a sua vida pessoal, como também para a profissional.

Uma simulação perfeita de uma raiz natural é aquilo que o NaturaLLock conseguirá oferecer a todos os seus utilizadores, possibilitando assim que, num futuro muito próximo, as distinções entre uma raiz natural e um implante dentário se venham a tornar praticamente imperceptíveis. Tendo em conta todas as vantagens que parecem estar associadas a este tipo de implante, é possível que, num futuro próximo, o NaturaLLock venha a assumir o papel de melhor implante dentário disponível no mercado. Ainda que esteja em fase de testes, as perspectivas são já bastante animadoras, e os resultados obtidos através das cirurgias de teste realizadas revelaram-se surpreendentes.

O importante a compreender sobre o Implante dentário biológico é que não representa apenas um aperfeiçoamento das técnicas já existentes, mas sim um conceito totalmente novo que virá revolucionar a forma como a cirurgia de implante dentária é encarada pelos especialistas da área da odontologia.

Principais vantagens do implante dentário biológico

Simulação perfeita de um dente natural

Um dos principais objectivos por detrás da criação deste implante foi desenvolver uma solução que realmente oferecesse um resultado idêntico àquele que seria possível obter através da dentição natural. Os implantes convencionais já há muito tempo que andam perto de conquistar este objectivo, mas a verdade é que, por melhores que os resultados tendam a ser, ainda não conseguem replicar na perfeição a sensação de utilização dos dentes naturais para a realização de toda e qualquer tarefa de mastigação.

Ao contrário das soluções convencionais, o implante dentário biológico é composto apenas por uma peça, em que a parte que fica em contacto com o osso e a parte em que suporta o dente em cerâmica são um todo. Isto faz com que, não só a sua ligação ao osso, como também a sua ligação à gengiva, acabe por se assemelhar imenso à de um dente natural, promovendo assim o isolamento do meio bocal externo do meio interno, o que muitos benefícios poderá trazer para a saúde oral do paciente.

Este implante está estrategicamente estruturado de forma a eliminar grande parte dos riscos aos quais os utilizadores de implantes dentários costumam ser submetidos. Produzido a partir de um material que se encontra em devida conformidade com as regras da biologia humana, este implante não oferece qualquer tipo de rejeição, seja por parte da gengiva, seja por parte do osso, garantindo assim ao paciente um nível de durabilidade surpreendentemente superior ao oferecido até agora pelas restantes alternativas.

Quando submetido a todos os cuidados necessários, este é um produto que poderá durar diversas décadas sem que necessite de ser substituído, representando assim um excelente investimento para o futuro. O implante biológico visa comportar-se exactamente como um dente natural, objectivo esse que só consegue atingir por ser produzido a partir de materiais que reagem como parte integrante do organismo, efeito esse que não consegue ser replicado pelos implantes produzidos a partir de titânio puro, uma vez qu estese nunca chegam a ser reconhecidos pelo organismo como parte do mesmo.

Higiene e segurança

Como referido anteriormente, uma das principais características deste revolucionário implante é o facto de conseguir isolar o meio bucal externo, que geralmente se encontra repleto de bactérias, do meio bucal interno, prevenindo assim infecções bacterianas que poderiam resultar em problemas de elevada seriedade para os dentes e para as gengivas.

Esta característica mecânica ajuda, também, a proteger a parte nobre do organismo das agressões quotidianas, como é o caso da mastigação e da escovagem dos dentes, que por vezes podem exercer um efeito danificador em toda a estrutura dentária. Os resultados práticos da composição estratégica deste implante revelam-se através de uma protecção extremamente eficaz do implante dentário contra todas aquelas agressões que frequentemente são responsáveis pela danificação dos implantes dentários convencionais, o que muitas vezes acaba por levar à sua substituição.

Para além das infecções bacterianas, que tão responsáveis costumam ser pelo fracasso das cirurgias de implantes dentários, a corrosão dos materiais, potenciada pelo efeito do tempo, também pode ser eficazmente evitada através da utilização do implante dentário biológico, favorecendo assim a preservação dos materiais por muito mais tempo, eliminando assim a necessidade de efectuação de substituições demasiado frequentes, o que tão dispendioso poderia tornar todo o processo de manutenção de implantes. Sendo que este produto facilita imenso toda a higienização bucal, as probabilidades de desenvolvimento de doenças periodontais diminuirão drasticamente, o que não só ajudará a manter os implantes dentários em perfeitas condições, como também os dentes naturais.

O método de higienização não varia muito do utilizado em implantes dentários convencionais. Uma escova de dentes suave e apropriada, juntamente com um dentífrico próprio para implantes, representa tudo aquilo de que necessitará para efectuar uma manutenção correcta dos seus implantes. Outra grande vantagem desta solução biológica é o facto de exigir um menor número de visitas periódicas ao dentista para a realização de limpezas dentárias, uma vez que estes implantes revelar-se-ão muito menos susceptíveis à acumulação de bactérias resultantes de resíduos alimentares.

Tratamentos mais rápidos e custos reduzidos

Devido às suas características mecânicas este é um produto que permite tratamentos e instalações muito mais rápidas do que é normal com as restantes soluções de implantodontia. Uma vez que a recuperação é imediata, o paciente pode, na maior parte das vezes, retomar a sua vida normal logo após a cirurgia de instalação de implante dentário. Ao contrário dos implantes convencionais, que muitas vezes exigem que o paciente se sujeite a longos períodos de recuperação, este produto permite uma utilização livre de preocupações pouco tempo após o tratamento.

Sendo que a maior parte dos casos de insucesso é potenciada pelo período de recuperação, onde frequentemente ocorrem graves infecções bucais, o facto do implante biológico permitir uma recuperação imediata faz com que as probabilidades de algo vir a correr mal se tornem extremamente diminutas.

Sem grandes complicações, a rapidez e simplicidade de todo este procedimento facilita imenso o seu acesso por parte de pessoas que sofram de doenças crónicas, e por isso se situem num grupo de risco. Para esses pacientes, quanto menos complexo o procedimento for, menores serão as probabilidades de virem a experienciar qualquer tipo de complicação no decorrer da cirurgia e durante pós-cirúrgico.

Entre os Pacientes que poderão beneficiar imenso deste novo produto destaca-se os diabéticos, doentes cardíacos e pessoas com doenças de ossos. A rapidez do tratamento reflecte-se imenso no preço do mesmo. Tendo em conta toda a simplicidade que está associada a este processo, é seguro afirmar que o mesmo terá um custo muito mais baixo do que o da generalidade dos implantes dentários.

Isto não significa que o implante dentário biológico venha a ser extremamente barato, mas sim muito mais acessível do que o habitual, o que certamente originará um aumento substancial do número de utilizadores de implantes dentários. Os baixos custos não estarão apenas associados à instalação do implante, mas também a todo o processo de manutenção do mesmo por parte de um dentista. Ao optar por esta solução acabará por, a médio prazo, poupar quantias exorbitantes de dinheiro.

Conclusão

Esta técnica extremamente inovadora encontra-se ainda numa fase muito inicial da sua existência. Após 10 anos de estudo exaustivo, o produto adquiriu agora a sua forma final e está pronto a a ser submetido a todos os testes necessários para o seu reconhecimento enquanto alternativa odontológica viável. Estima-se que ainda sejam necessários alguns anos até que este produto seja finalmente lançado no mercado, o que corresponde ao principal objectivo de todos os seus criadores.

Este processo encontra-se já em andamento, e todos os passos necessários para a inclusão deste produto no mercado dos implantes dentários têm vindo a ser cuidadosamente dados. Os resultados são bastante animadores, e o que se avizinha é uma verdadeira revolução no universo dos implantes dentários, que permitirá melhorar de forma significativa todo o panorama da área da odontologia e implantodontia, beneficiando assim imenso, não só todos os profissionais da área, como também os pacientes que pretendam submeter-se a uma cirurgia de implante dentário, como forma de recuperação de toda a sua funcionalidade bucal.

Global Academy for Biologic Dentistry 1