Insuficiência Cardíaca – Tratamento, Causas e Sintomas

O coração é o motor do nosso corpo. Como tal, quando falha, todo o organismo fica em perigo. Neste artigo iremos explicar o que é a insuficiência cardíaca, porque acontece e quais os seus sintomas, causas e tratamento. Para percebermos como se desenvolve esta doença, é importante entender o que é o coração e como funciona.

insuficiencia cardiaca

O que é o coração

O coração é basicamente um órgão musculoso, que trabalha ininterruptamente a bombear sangue para todo o organismo, de forma a estar em constante circulação. O coração é oco, e constituído por 4 cavidades, que recebem o sangue vindo das veias, e o enviam pelas artérias para os tecidos. Elas são o ventrículo direito e esquerdo, e a aurícula direita e esquerda. As aurículas recebem o sangue vindo das veias, e apenas têm a função de enviar o sangue para os ventrículos, não tendo por isso paredes musculares muito grossas. Já os ventrículos têm a função de enviar o sangue para todas as partes do corpo, precisando para isso de paredes musculares mais desenvolvidas e poderosas.

Como funciona o coração

circulação humana fotoO sangue está em constante circulação no corpo, não havendo um início ou um fim. Deste modo, começaremos a viagem do sangue quando este chega aos capilares pulmonares. Aqui, irá libertar o dióxido de carbono e vapor de água proveniente das células, resultantes da respiração celular, e receber oxigénio dos alvéolos pulmonares. Dessa forma, o sangue deixará de ser venoso, passando a arterial. De seguida, o sangue percorrerá pelas veias pulmonares, chegando à aurícula esquerda. Depois de cheias, as paredes da aurícula contraem-se, obrigando o sangue a passar para o ventrículo esquerdo. Quando este estiver cheio, dar-se-á a segunda contração, agora das paredes do ventrículo, bombeando o sangue pela artéria aorta, e que será enviado para todas as artérias, arteríolas e capilares do corpo humano.

Ao chegar aos capilares, o sangue deixará nas células, nutrientes e o oxigénio, recebendo em troca as substâncias resultantes da respiração celular, entre as quais toxinas, dióxido de carbono e vapor de água. O sangue deixará de ser arterial, passando novamente a venoso. O sangue continuará a sua viagem, agora pelas vénulas e veias, sendo o seu movimento provocado por um efeito de sucção das aurículas. Quando chega à aurícula direita e esta estiver cheia, as suas paredes contraem-se, obrigando o sangue a passar para o ventrículo direito. Quando este estiver cheio, as suas paredes irão também contrair-se, obrigando o sangue a sair pelas artérias pulmonares, em direção aos pulmões, onde se dará novamente a troca gasosa, recomeçando o ciclo.

Leia Também  Diabetes - Tratamento, Causas, Sintomas, Complicações e Prevenção

Insuficiência cardíaca – o que é

Diz-se que alguém sofre de insuficiência cardíaca quando o coração deixa de ter a capacidade de desempenhar a sua função de forma correta, não conseguindo que a circulação sanguínea se processe de forma normal. Esta falha pode ser tanto do lado direito como do lado esquerdo ou até em ambos, mas como viu atrás, basta falhar uma das cavidades, e todo o processo fica comprometido. No entanto, os sintomas podem variar consoante a falha ocorrer, do lado direito ou esquerdo. A insuficiência cardíaca não é então propriamente uma doença, mas sim uma incapacidade, que irá afetar consideravelmente as restantes funções corporais, provocando outras doenças.

Habitualmente, a insuficiência cardíaca é uma condição clínica que se desenvolve ao longo de muitos anos. No entanto, há casos em que ela evolui de uma forma bastante rápida. Como referimos atrás, ela pode afetar um dos lados, e quando isso acontece, dizemos que é uma insuficiência cardíaca direita ou esquerda, consoante o lado. Contudo, cada vez ocorrem mais casos onde ambos os lados mostram incapacidade. As alterações sofridas pelo coração, que impedem a sua função plena, são essencialmente duas:

Insuficiência cardíaca sistólica (quando o músculo cardíaco deixa de conseguir bombear adequadamente o sangue para fora do coração);
Insuficiência cardíaca diastólica (quando os músculos do coração ficam mais rígidos, não conseguindo por isso as aurículas sugar sangue facilmente para as encher).

Acontecendo cada uma destas situações, o sangue não chegará facilmente às células, não recebendo oxigénio e nutrientes suficientes para a produção de energia necessária para o funcionamento do organismo. Este problema ainda se nota mais intensamente em alturas de grande atividade física. Além disso, como o sangue não circula de forma conveniente, pode haver um retrocesso do sangue nas veias, provocando a acumulação de líquidos nalguns órgãos do corpo.

Leia Também  Sal e Hipertensão Arterial

Causas da Insuficiência cardíaca

Há várias causas possíveis para esta condição clínica. A causa mais vulgar é o estreitamento das arteríolas e capilares que levam sangue aos tecidos musculares que compõem o coração. Dessa forma, o sangue terá mais dificuldade em passar, recebendo por isso as células menor quantidade de oxigénio e de nutrientes, o que levará à diminuição da atividade muscular. A este problema, possível causador de insuficiência cardíaca, chamamos de doença arterial coronária. Outra situação que pode causar esta incapacidade do coração é uma infeção do músculo cardíaco, denominada de cardiomiopatia. Há ainda outras possíveis causas clínicas, relacionadas com problemas no coração, tais como um ataque cardíaco, doenças das válvulas cardíacas, arritmias (Leia mais sobre: Palpitações, Taquicardia e Arritmias Cardíacas) ou cardiopatia congénita.

Por fim, existem ainda outras causas para a insuficiência cardíaca, não diretamente relacionadas com o coração, mas que irão afetar o seu funcionamento.

– Enfisemas;
– Anemias agudas;
– Hipertireoidismo;
– Doenças pulmonares;
– Embolia pulmonar;
– Tabagismo;
Alcoolismo;
– Drogas;
Diabetes;
Obesidade;
– Doenças autoimunes;
– SIDA / AIDS;
– Sarcoidose;
– Amiloidose;
– Infeções virais;

Sintomas da insuficiência cardíaca

Os sintomas da insuficiência cardíaca são variados, e inicialmente, essencialmente apenas se notam durante períodos de grande atividade física, devido ao facto dos tecidos musculares não receberem a quantidade de oxigénio e nutrientes necessária para manter essa intensidade física. No entanto, com a evolução da doença, os sintomas tendem a aparecer também em períodos de menor atividade, e até mesmo durante o descanso.

De seguida apresentamos os sintomas principais, e mais comuns, da insuficiência cardíaca.

Falta de ar durante a atividade física;
– Tosse;
Inchaço no abdómen, pés e tornozelos;
– Pulso demasiado rápido, ou irregular;
Palpitações;
– Ganho de peso;
– Insónias;
– Sensação de fraqueza e fadiga;
– Desmaios frequentes;
– Falta de ar depois de estar deitado durante algum tempo;
– Necessidade de urinar frequentemente durante a noite;
– Diminuição do fluxo da urina;
– Indigestões frequentes e perda de apetite;
– Vómitos e enjoos;
– Problemas de atenção e de concentração.

Leia Também  VARFARINA (Varfine, Marevan, Coumadin) - Controle do INR

Tratamento da insuficiência cardíaca

O tratamento indicado para a insuficiência cardíaca é sobretudo através da diminuição do consumo de sal, e a toma de anti-hipertensivos e diuréticos. Além disso, é necessária também a toma de medicamentos que aumentem a força dos músculos cardíacos. Devem ainda ser alterados hábitos de vida, potenciadores da insuficiência cardíaca, tal como a obesidade, alcoolismo, uso de drogas ou tabagismo.

Por fim, deve ser delineado um programa de controlo rigoroso da pressão arterial, e de exercícios para recuperação do músculo cardíaco. Quando esta doença for diagnosticada muito tarde, ou nada tiver sido feito para alterar a sua evolução, então pode existir perigo de vida. Em casos já terminais, o único tratamento possível é um transplante de coração.

Por fim, a melhor maneira de lidar com a insuficiência cardíaca é impedindo que ela ocorra. Sabendo agora quais são os hábitos que podem potencialmente causar esta condição clínica, a prevenção será o melhor remédio.

 

loading...

03. Novembro 2013 by admin

Comentários no Forum (3)

  1. Minha mãe tomar remedios p insuficiência cardíaca e passa mal e fica muito gelada ,ela tem a pressão muito baixa isso é normal ? Ou deve trocar os remédios ?

  2. Tenho muitas dores nas pernas, vou urinar varias vezes quando estou deitada, fico com faltata de ar no exercicio e tenho pouco apetite.. isto pode ser insuficiencia cardiaca?

  3. Dizem que quando a água bate na bunda o cidadão se obriga a aprender nadar. Como sempre tive uma saúde muito boa, nunca me preocupei em buscar algum tipo de tratamento, ainda em ocasiões de distúrbios diagnosticados. Porém aos 64 anos tive uma desidratação forte e fiquei em observação no hospital por tres dias. Agora aos 70 depois de uma semana na praia comecei a sentir fortes caimbras em varios membros. Como tomo alguns diureticos a conclusão que se chega que é divido a esses medicamentos. Porem se não toma los a pressão sobe e aí a coisa fica pior. Como agir nesse quadro? Obrigado pelas informações no site. Aroldo

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Required fields are marked *